sexta-feira, 22 de julho de 2011

O design da felicidade



Quantas vezes a gente, em busca da ventura, procede tal e qual o avozinho infeliz: em vão, por toda parte, os óculos procura, tendo-os na ponta do nariz!
(Da Felicidade, Mário Quintana)




Bem-aventurado o homem... que tem o seu prazer na palavra do Senhor e nela medita de dia e de noite. (Salmo 1.1,2)
Os termos bíblicos referentes à felicidade humana ultrapassam uma centena de ocorrências. E se Martinho Lutero acertou ao dizer que os livros dos Salmos contém, direta ou indiretamente, toda a mensagem bíblica, podemos concluir que esta se interessa na felicidade das pessoas que a ouvirão. Ali, os sinônimos e derivações de ventura, alegria, felicidade, etc., vão além de 65 termos, isto é, em tese, praticamente um evento a cada dois salmos. Percebe-se que, sem a menor dúvida, trata-se de um foco especial do saltério e consequentemente da Bíblia como um todo.
É importante que atentemos para este fato. Compreender isto pode nos ajudar a conhecer o verdadeiro e bom caráter do Deus santo através da Bíblia, e a confiar em sua intencionalidade, que perfaz tudo o que nos deixou escrito em sua Palavra. Entender que a felicidade foi desenhada pelo Criador desde o princípio, nos ajuda a desfrutá-la como seu próprio desejo, esboçado e realizado em sua arquitetura de redenção. Desde as narrativas, os mandamentos, todas as instruções de sabedoria, até a última promessa revelada em Jesus. Cada texto, história, parábola, parágrafo e paralelismo, formam o belo design em PALAVRAS, destinado a pessoas ao longo da história e das circunstâncias, a fim de que tenham a vida  em cores e riscos absolutos de verdade e novidade. Boas novas de felicidade.
Hoje, Jesus continua chamando homens, mulheres, crianças, jovens e idosos, a um relacionamento pessoal com ele. A encontrar, perceber e recebê-lo nos rascunhos pastéis da lida, através de uma interação de fé e descobrimento pelas páginas da Bíblia, através do puro e simples traço do evangelho. Para que todos possam experimentar aquilo que esteve inerente ao desenho do Criador, a verdadeira felicidade da criatura, plena e realizada. Que você perceba quão bem intencionada a verdade do Criador está para a vida e para sua história. Abandone seus rabiscos e siga Jesus, o Caminho desenhado para a essencial felicidade humana, que pode ser toda sua.

Nenhum comentário:

Postar um comentário